12.jul.2011

A TV e o sono do seu filho



Hoje estava pensando sobre o efeito da TV na vida do Antônio.Eu me lembro da minha infância, adorava acordar e assistir um pouco de desenho na TV. Depois de bem acordada brincava muito na rua, no pátio. Não lembro muito bem, mas aquela hora da “dedeira” e TV minha mãe provavelmente tomava seu café em paz!E hoje, eu faço o mesmo, acordamos, dou mama, e coloco ele para assistir um dvd para ir acordando, e se divertir, ele adora, dá altas gargalhadas assistindo Pocoyo.E sinceramente, não vejo nenhum mal nisso.
Sei que tem muitas mães são super contra TV, mas também acho que cada mãe sabe onde aperta seu calo, e cuida da sua rotina. A hora que o Antônio assiste TV, eu arrumo a cozinha, tomo meu café, lavo o rosto, me ajeito.Se eu tivesse alguém para me ajudar, talvez ele não assistisse mesmo, e esse alguém poderia ser minha mãe,sogra,cunhada,irmã, não necessariamente uma babá. E se eu tivesse uma auxiliar, para me ajudar com a casa também não sei se ele assistiria desenho. Mas a realidade é que sou mãe em tempo integral, não tenho faxineira, nem secretária do lar. E eu sei do meu tempo, e das coisas da casa que tenho que fazer. Então ele assiste sim um pouco de TV, e assim vamos levando.
Daí que li no site da Revista Crescer, um texto sobre o efeito da TV no sono do nosso filho. Onde eles falam que TV, videogame, celular, computador, esses jogos eletrônicos fazem parte da rotina das crianças. E fala sobre o excesso de “tela” que pode causar problemas de sono nas crianças. Um estudo feito pelo Instituto de Pesquisa do Hospital Infantil de Seattle, nos Estados Unidos com 617 crianças entre 3 e 5 anos, mostrou que aquelas que assistem televisão após as 19h têm mais problemas para dormir – como dificuldade para adormecer, acordam várias vezes durante a noite, têm pesadelos e sonolência diurna. 
E a pesquisa também analisou o tipo de programação que essas crianças assistiam. Os programas com violência – como desenhos animados, novelas e filmes – geram uma dose extra de adrenalina no corpo, o que dificulta o sono das crianças. E para tanto, não importa a hora em que assistem aos programas. Mesmo que seu filho veja um desenho violento pela manhã, ele poderá ter dificuldade para dormir durante a noite. Para chegar a esse resultado, os pesquisadores se basearam em relatos dos pais das crianças e perceberam também que aquelas com televisão no próprio quarto podem assistir até 40 minutos a mais que as outras por dia.
Realmente, a TV em excesso prejudica mesmo o sono, e eu me preocupo muito com o que o Antônio assiste, a gente tem uns dvds que eu considero bons. E nunca assisto algum programa adulto com ele na sala, novela, filmes,seriados, a gente sempre assiste depois que ele dorme.
No site eles dão dicas para criar uma rotina de sono. A partir das 18h, comece a diminuir o ritmo da casa. Dê um banho em seu filho para relaxar, em seguida, o jantar. O ideal é que seu filho deixe os eletrônicos de lado até uma hora antes de ir para a cama. Se ele já está acostumado com a TV, tente substituir por outra atividade. Que tal ler um livro, ouvir música, ver fotos ou jogar algo que ele goste? A recomendação é tirar a TV de uma vez, mas você pode combinar de ir reduzindo aos poucos ao longo de uma semana. E é preciso ser firme. Mesmo que seja difícil, ele vai acabar se acostumando. E tirar a TV do quarto, senão eles ficam com mais vontade de assistir mesmo.
E aí com vocês? Seus filhos assistem muita TV? Vocês tem essa preocupação com o conteúdo do que seus filhos assistem? E quando tempo vocês acham que seus filhos assistem TV?
Beijocas

Comente pelo Facebook

Leia mais!