7.maio.2014

Alergia a Proteína do Leite x Intolerância a Lactose: Qual a diferença?

Hoje vamos falar sobre duas patologias que são frequentemente confundidas pelo fato de ter o mesmo alimento causador: o leite, mas são diferentes entre si e ambas precisam de acompanhamento.

intolerancia_leite_alergia

Alergia a Proteína do Leite

O que é?

Reação alérgica a algumas proteínas presentes no leite.

Sintomas

Um ou mais dos seguintes sintomas: vômitos, cólicas, diarreia, dor abdominal, prisão de ventre, presença de sangue nas fezes, dermatites, problemas respiratórios (asma, chiado no peito e rinite) e emagrecimento. Podem ocorrer em minutos, horas ou dias após a ingestão de leite de vaca ou derivados, de forma persistente ou repetitiva.

Qual a idade mais comum?

Muito mais comum em crianças, especialmente em bebês. Adultos raramente têm alergia à proteína do leite de vaca.

A criança pode ter uma vida normal?

Metade das crianças com alergia à proteína do leite de vaca melhora por volta de 1 ano de idade. A maioria (90%) está curada ao completar 3 anos. São poucas as pessoas que continuam alérgicas por toda a vida.

É preciso fórmula especial?

SIM, apenas para os bebês que não estiverem sendo amamentados. Fórmula indicada pelo médico ou nutricionista. Vale lembrar que leite de cabra ou de outros mamíferos (ovelha, búfala) também podem causar reações alérgicas.

Intolerância a Lactose

O que é?

Dificuldade do organismo de digerir o açúcar do leite (lactose). Esta dificuldade ocorre ou por que o organismo não produz ou produz pouca enzima lactase.

Sintomas

Diarreia, cólicas, distensão abdominal (barriga estufada) e náuseas são os mais comuns e podem ocorrer em minutos ou horas após a ingestão do leite de vaca

Qual a idade mais comum?

É mais comum em adultos do que em crianças. Com o avançar da idade, existe uma tendência natural ao desenvolvimento da intolerância à lactose.

A criança pode ter uma vida normal?

A maioria das pessoas continua com intolerância à lactose por toda a vida. Mas, se o bebê tiver intolerância à lactose provocada por uma diarreia prolongada, talvez melhore após algum tempo e, então, poderá voltar a consumir leite de vaca.

É preciso fórmula especial?

SIM, apenas para os bebês que não estiverem sendo amamentados. Utilizar fórmulas especiais isentas de lactose.

É importante lembrar que a intolerância a lactose raramente ocorre durante o período de amamentação. Nas duas situações, onde a criança é amamentada, a mãe precisa seguir uma dieta isenta destes alimentos.

Outro lembrete importante, ao comprar alimentos olhem sempre os rótulos, por precaução.

Como estas situações são um pouco difíceis de lidar no dia-a-dia, vamos fazer alguns posts com receitas práticas para auxiliar na alimentação das crianças.

Vocês podem nos ajudar com sugestões/pedidos. OK? Contamos com vocês.

Abraço, Joci

Jociane Catafesta {(51) 92177611}
CRN2 6376
Nutricionista Funcional
Personal Diet (Gestante, Pós Parto, Baby e Familiar)
Mestre em Gastroenterologia/UFRGS
Aperfeiçoamento em Nutrição Infantil
Fan Page: Consultório de Nutrição Jociane Catafesta