7.ago.2012

Carta ao guri

Filho,
Desde que nasceste te protegi ao máximo do mundo real. Quis te mostrar o mundo que acredito ser o melhor para ti. Um mundo colorido, sem coisas ruins. Sim, eu sei que o mundo real não é assim, mas eu sempre acreditei nesse mundo bonito. Quero que acredite num mundo bom e em pessoas boas, pois crianças não devem se preocupar com as dificuldades do mundo. Você terá muito tempo para isso, acredite em mim.
Agora chegou a hora de cortar mais um cordão umbilical da vida. Você vai passar as tardes na escolinha. Não é nenhum fim do mundo, pelo contrário. É mais uma etapa em nossas vidas, pois dizem por aí que criamos filhos para o mundo. Estou tentando me convencer disso… Será muito legal para você, fará amigos e perceberá que o mundo é muito além de pai e mãe, ainda bem!
Esses 2 anos e 1 mês que ficamos juntinhos 24 horas por dia, foi ótimo e enlouquecedor ao mesmo tempo. Provavelmente você não vai lembrar de tudo, mas tenho certeza que o carinho e amor vivenciados não serão esquecidos jamais. Você é um filho maravilhoso, mas me dedicar a maternidade 24 horas por dia, não foi tão simples como pensei. Por trás de sorrisos tive muitas dúvidas e cobranças, internas e externas. Muitas vezes sorri querendo chorar. Demorei mas aprendi a lidar com algumas situações e hoje em dia sou uma mãe mais forte!

Foram 2 anos e 1 mês de muito grude, nunca faltou colo nem beijinhos. Nunca mais fui ao banheiro de porta fechada, o que se tornou um hábito, pois até na casa dos outros eu esqueço de fechar a porta. Nesse tempo eu posso contar nos dedos as vezes que tomei banho tranquila e/ou sozinha. Eu fiz refeições frias com preguiça de requentar, comi biscoitos com “preguiça” de descascar uma fruta, mas para ti sempre tive toda energia e vontade do mundo!

Por ti fiz tudo que achei ser o melhor, abri mão de tempo para cuidar de mim, mas também procurei ajuda quando a situação ficou difícil. Eu fiz o que foi preciso e faria muito mais se preciso fosse. Pois filho, tu és o melhor de mim e serás aquilo que aprender conosco, através de exemplos nas nossas ações.
Quero te dizer nessa pequena carta que estarei sempre ao seu lado, te apoiando e disponível sempre que precisares. Que continuarei vibrando nas suas conquistas, mesmo que não esteja do lado para ver. Que essa nova fase em sua vida seja maravilhosa, que tenha bons amigos. E tire uma lição nas experiências ruins, elas sempre existirão e é com elas que aprendemos, nos fortalecemos e não cometeremos os mesmos erros!
Te amo demais!
Tua mãe
Angi