11.set.2014

Depois dos filhos!

Depois dos filhos, tudo muda. Algumas amigas simplesmente somem, enquanto conhecemos outras num dia, e no dia seguinte se tornam nossas melhores amigas!

Sabem aquilo que falávamos que nunca faríamos? Pois é, estamos fazendo, igualzinho as nossas mães.

Sabem quando julgávamos a mãe da criança que se jogava no chão do shopping, querendo um brinquedo, uma roupa, ou uma pipoca antes do almoço?  “Ahhh, se fosse meu filho.” Pois é, passamos pela mesma situação, e não sabemos o que fazer! Se damos o que eles querem para acabar a cena e os olhares ? Ou explicamos que ele não vai ganhar aquele brinquedo/roupa, que não pode comer pipoca antes do almoço, e deixamos chorar, sendo igualmente julgadas pelos olhares daqueles que sempre vão falar. Ou por fazermos as vontades dos nossos filhos, os mimando. Ou por deixarmos chorarem, por algo que não concordamos.

Ser mãe não é fácil…eu sei. Depois dessa frase sempre vem um suspiro e : “Ah, mas é a melhor coisa da minha vida!”. Não é mesmo?

Sim, é bom demais! E é a melhor coisa na vida para quem quer ter filhos! Apesar de todas as dificuldades que passamos, com o filho que não dorme, que não come, que não quer tomar banho, que morde o colega na escola, que mostra a língua para o vizinho, que solta pum no elevador, que quer fazer xixi nas plantinhas. Sentimos o maior amor do mundo, ao sermos acordadas a hora que for, com um sorriso banguelo querendo seu colo, seu peito, seu acalento. Parece que vamos explodir de amor quando ele ao acordar te vê toda descabelada, de pijama, com bafo matinal, e fala que você está linda e que te ama até a lua, ida e volta. “Sim, aos olhos do teu filho tu és linda e sempre será!” E que chora e sorri quando o filho te dá uma florzinha caída no chão, como se fosse uma jóia rara, com o sorriso mais puro desse mundo, e tem presente melhor na vida? Os filhos admiram as mães, acreditam que elas tem super poderes, e que podem contar sempre com elas, pois ela sempre resolve os problemas de todos. E quem duvida?

O que não deveria mudar depois dos filhos é o casamento. Mas muda muito!

Fazemos tudo pelos filhos, mas muitas vezes, vamos dormir cansados, esquecemos o beijo de boa noite, de perguntar como foi o dia, de dar um abraço apertado, um cheiro no pescoço, uma pegada no cabelo. Esquecemos de dizer o quanto amamos, o quanto admiramos aquele homem, que em meio a tantos outros, foi o escolhido para viver a vida toda ao nosso lado!

Deveria ser hábito, assim como escovar os dentes antes de dormir, conversarmos sobre nosso dia. Desabafar, falar das angustias, dos medos, das alegrias, dos sonhos, falar besteiras…

Deveria ser proibido dormir sem lavar a roupa suja do casal, de uma discussão boba porque ele esqueceu de comprar o café quando foi ao super, ou por problemas no trabalho, no trânsito, ou mesmo de intestino preso.

Para algo se tornar hábito, precisamos realizar por 30 dias, que tal começar hoje? Todas as noites conversem, namorem, dêem as mãos, durmam de conchinha, como antes de dos filhos, como antes de casar, como se fosse a primeira vez! Não desista do casamento porque ele está morno, não pense que é obrigação do outro mudar, fazer diferente, faça você!

Não viemos ao mundo para vivermos uma vida mais ou menos, acreditem que estamos aqui para vivermos UMA VIDA MARAVILHOSA, e que assim seja com nossa família! Nós merecemos!

Beijos, Angi

#AngiReflexiva

Comente pelo Facebook

Leia mais!