8.dez.2010

Falar é prata, calar é ouro!

Eu me pergunto direto, por que algumas pessoas não ficam quietas, e saem por aí falando o que dá na telha, e ainda por cima, sem serem ao menos questionadas?
Olha quem está falando, quem me conhece sabe que eu sou super faladeira, mas eu acho, que eu sei ficar quieta quando não me perguntam! Muito se engana quem pensa que falo tudo que penso, até porque acho que cada um tem sua opinião, e cada um tem um jeito de ser, e temos que respeitar, mesmo pensando diferente. As vezes, chega a dar coceira na língua, mas eu não falo não, e quando me perguntam eu ainda penso algumas vezes antes de falar, porque tem gente que pergunta, mas não quer qualquer resposta, quer que a gente concorde com o que ela está dizendo, então é pior ainda, pois temos que concordar com a pessoa, por mais absurdo que possa ser, e temos que guardar nossos pensamentos no baúzinho dos nossos pensamentos que nunca foram ditos! Tem gente que tem um baúzão…hahaha Eu sou total a favor de que temos que falar o que pensamos, mas definitivamente, tem gente que não está preparada para tal, e ainda fica braba com a gente por falarmos!
Ô tema polêmico, e complexo, mas não quero continuar falando sobre coisas gerais, e sim, sobre aquelas pessoas que vêm do nada, e falam alguma coisa sobre teu filho, e pode ser qualquer pessoa, desde parente (que  são um saco total, mas é parente e tu tem que aguentar, e não é nada pessoal, viu parentada que lê o blog) até pessoas da rua, senhoras no shoping, nas praças, na rua.– Minhas senhoras, vocês provavelmente têm bastante experiência, mas com o filho de vocês, o meu pode deixar que eu cuido! É uma que chega e diz que ele deve estar com frio no pé, sendo que é quase verão, está um mega calor, e o Antônio sente muito calor, chega a suar no pé! É outra que diz que a sandália está apertada, sendo que o pé do guri é gordinho, bisnaguinha, e a mãe se prestou a tirar a sandália e mostrar que a sandália não estava apertando, que o pé dele é gordinho(aconteceu com uma amiga)!! Ai, só Deus sabe pelo que nós mães passamos! É tanta gente que tem sempre alguma coisa para falar, mas na hora de comprar uma fraldinha, um bico, uma roupa nova, um bichinho de pelúcia, ou um super brinquedo fisher price, isso ninguém dá, agora conselhos do tempo do Êpa e críticas (destrutiva), todo mundo dá! Não, obrigada! Claro que conselhos e dicas são sempre bem vindas, mas falo daquelas pessoas que falam sem saber, por exemplo, que amamentar só no peito não é legal, que ele deve ter vontade de comer vendo a gente comer, e por aí vai…
Fico aqui pensando, que se cada um cuidasse da sua vidinha o mundo seria tão mais legal!
Desabafei…punto e basta!

Comente pelo Facebook

Leia mais!