10.jan.2018

Queria guria e é guri, e agora?

Oi gurias, o assunto de hoje é ” QUERIA GURIA E É GURI (OU OUTRO GURI) E AGORA?

Eu nunca tive expectativa em relação ao sexo de nenhum filho, nem mesmo depois do primeiro guri, tão pouco do segundo guri, nem do terceiro. Sim, eu tenho 3 filhos guris e amo, porque independente do sexo, eu sempre quis ser mãe!

Muita gente me pergunta, eu sempre quis engravidar, não pesquisei sobre como ter menina, ou menino, eu apenas quis engravidar!

Claro que se engravidasse novamente adoraria ter uma guria, ter uma experiência de laços e vestidos, acho fofo! Mas também adoraria se fosse outro guri, pois cada filho é único e vivemos experiências diferentes, independente do sexo do filho. Ao menos os meus 3 filhos são completamente diferentes, um mais sensível, outro mais independente, outro mais carinhoso… cada um do seu jeitinho tornando a nossa família única!

Sei, e entendo que tem mães que gostariam de ter um filho de um sexo específico. Eu não sou psicóloga, mas como recebo muitas perguntas de mães sobre esse assunto, já que tenho 3 guris, refleti sobre o assunto e acredito que isso se deve a um desses 4 fatores:

1- Acreditar que MÃE E FILHA são MAIS AMIGAS! Muitas pessoas falam sobre a relação de mãe e filha, que são mais unidas e amigas! Na minha opinião, temos que ter em mente que não temos filhos para termos um(a) amigo(a). A relação da mãe com o(a) filho(a) dependerá da dedicação durante a vida do filho e não o sexo dele! Desapegue desse pensamento e crie muitos vínculos com seu filho, converse, abrace, beije, brinque, tenho certeza que vocês terão uma relação maravilhosa! Conheço mães e filhos que são ótimos amigos e mães e filhas que se odeiam, amizade, amor, carinho não tem nada a ver com o sexo!

2- SONHO DE INFÂNCIA! Muitas brincadeiras na infância é com BONECAS, a maioria das meninas brincam de bonecas, dão nomes para as “filhas”, parece “bobo”, mas quando crescem querem ter suas próprias bonecas! As minhas amigas de infância vão lembrar, mas eu tinha um boneco, sim, um gurizinho, e amava ser mãe de boneco! Também tinha bonecas, claro, mas acredito que as mães e as empresas devem incentivar as meninas a terem bonecos também, afinal nem toda mulher tem filha menina, não é mesmo?

3- UMA NOVA CHANCE PARA UMA VELHA RELAÇÃO! Muitas mulheres querem (re)criar uma relação nova de mãe e filha, “apagar” a relação que teve com sua mãe e ter uma segunda chance. Mas precisamos entender que os nossos filhos são nossa primeira chance, a gente pode ter tido problemas na infância, nunca apagaremos isso, somos quem somos pelas nossas experiências, e independente de ter filha ou filho, assim que o bebê nasce a gente é responsável por ele e temos uma tela em branco para colorir, e com muito amor e sabedoria nos tornaremos muito mais do que amigos, seremos para sempre pais e filhos, alguém para amar e em quem confiar!

4- PRESSÃO DA SOCIEDADE PARA TER CASAL! Se você já tiver um menino, ou mais, todos dirão que agora vem uma menina, e todos acharão que você está grávida porque quer uma menina! E é muito fácil se deixar levar pela pressão! Uma hora tu até pensa: Será que eu preciso de uma menina mesmo? Coisa mais chata!

Se você queria menina e terá menino não se sinta culpada! Entenda que Deus escolheu o que é melhor para vocês! Talvez você demore um pouco para entender, para aceitar, mas ore, converse com seu bebê, ouça músicas de amor, se conecte ao seu bebê o máximo possível, um filho é uma benção! Eu tenho certeza que quando ele nascer você não saberá viver sem seu bebê! Tire da sua cabeça a fantasia que criou sobre ter uma guria, saiba que o vínculo que vocês criarão independe do sexo e sim do seu amor e dedicação!

Sim, meninos são cheios de energia que parece não ter fim, amam brincar de lutinha, adoram falar de pum e cocô, normalmente são mais imaturos, portanto farão umas brincadeiras sem graça por mais tempo, quer dizer, brincadeiras que só eles acham graça hahaha Mas se você sempre sonhou em brincar de boneca, de comidinha, saiba que hoje muita coisa mudou, aqui em casa nós brincamos com os bonecos de super heróis, de comidinha… e não tem nada que eles não podem brincar, o que tem são suas preferências!

Eu acredito que não somos nós que escolhemos o sexo do filho, é Deus! Já ouvi falar que tem métodos naturais para “escolher” o sexo do bebê, mas nunca fiz, porque me parece deixar tudo mais automático, quando decidimos engravidar, as 3 vezes, transamos quando tínhamos vontade, nem olhava o período fértil. Se quiser muito ter um filho de um determinado sexo o ideal é adotar, pois só assim para ter certeza mesmo…. 

Também sei que as pessoas são maldosas, e muitas vezes é elas que tem um sonho de ter um casal de filhos, e querem se realizar na nossa vida! Muuuuita gente faz cara de “pena” quando falo que tenho 3 guris! Mas mal sabem elas que sou muito feliz com meu trio e não mudaria NADAAAA! A minha dica é não dar importância para quem falar sobre o sexo do bebê, e se falarem, diga que É MUITO FELIZ COM SUA FAMÍLIA!

Eu nunca tive o sonho de ser mãe de guria, eu sempre tive o sonho de ser mãe! Todos os dias quando olho para meus guris, tão cheios de energia, tão cheios de luz, tão cheios de amor, agradeço a Deus por confiar em mim para educá-los, para amá-los. Desejo que sigam seus caminhos, onde quer que seja, perto ou longe de mim, que tenham suas famílias, ou não, desejo que sejam quem quiserem ser. Desejo que sejam pessoas boas e do bem, que saibam que poderão sempre contar comigo, seja num almoço de domingo ou na ceia de Natal, eu sei que terão o prazer de conviver conosco!

beijos

Angi

Comente pelo Facebook

Leia mais!