4.out.2012

Tua culpa

 

Sonhamos em ser mães desde pequenas, algumas desejam ser mães antes de ter um namorado, companheiro, marido. Outras descobrem essa vontade depois de alguns anos casadas, aquela sensação de que falta algo para a felicidade ser completa… e aí passa a sonhar com um filho!

Ao descobrirmos a gravidez, as vezes antes até, pensamos no tipo de parto que vamos querer. Muitas mulheres sabem o que querem, por medo ou mesmo influência de amigas e parentes que tiveram um tipo de parto e foi bom para elas. Mas não devemos esquecer que nem sempre o que é bom para uma mulher, será bom para ti…
 
Quando estamos gravidas temos que pensar por dois e comer por uma só, tá? A gestante sempre pensa nela, mas em primeiro lugar no filho! E para mim, a escolha do parto tem que estar relacionada a isso. Tem que ser a melhor escolha para o filho e para a mãe. Ou seja, as mulheres tem que se informar, tem que saber os tipos de parto. Como é o trabalho de parto, o que podemos esperar. Tem que saber que cesárea é uma intervenção cirúrgica, e que deveria ser feita apenas com indicação médica, para salvar vidas. Claro que cada mãe é responsável pela sua escolha, é dona do seu corpo, mas essa escolha deve ser boa para ambos: mãe e filho!
 
Eu acredito que toda mulher saudável pode ter um parto normal! Mas tenho certeza que algumas mulheres não querem ter esse tipo de parto, acham que não suportam as dores, ou qualquer outro motivo. (Lembrando que cesárea também tem suas dores, não se iludam. Não quer sentir dor, adote!) E se a pessoa acredita que não vá conseguir… se a pessoa não quer, ela tem direito a isso. #minhaopinião

O parto nem sempre acontece como queremos. Nem sempre chegamos no hospital com 7cm de dilatação, sem dor e parimos em duas forças. (Esse era meu sonho…podem rir.) Muitas vezes mesmo você sendo daquelas mães que leem blogs maternos para aprender com outras experiências , leem relatos de  partos, livros, quando chega no seu parto, no dia mais importante da sua vida… dá de frente com a notícia de que não poderá ter seu parto do jeito que pensou e se preparou! Estou falando particularmente de mães que queriam parto normal e não puderam, não conseguiram e acabaram fazendo cesárea (meu caso).

E naquele momento, tudo que você leu sobre cesárea vem a mente e não tem como evitar: A CULPA! Muitas mulheres julgam quem não teve parto normal e fala que quem teve cesárea não pariu de verdade, ou que é menos mãe por isso! Isso tudo nada mais é que A CULPA que elas sentem! 
E só tenho uma coisa a dizer para todas as mães que já sentiram culpa por não ter tido o parto que quiseram! Não se sintam culpadas pela culpa de uma mãe que levanta bandeiras mil sobre só existir um único tipo de parto e os outro ser intervenção cirúrgica. A tua culpa não é minha Culpa!

O parto é IMPORTANTE para nos realizarmos, sabermos que somos capazes!  Mas quando temos um médico de confiança temos que saber que quando não acontece como desejamos, foi para o bem de ambos: mãe e bebê!

E lembrar que todo parto é LINDO, todo parto é especial…não deixem que ninguém tire de você as lembranças desse momento, o mais lindo das nossas vidas!

E acredite, você ainda poderá ter seu parto do jeito que sonhou numa próxima gravidez…ou não. É a vida… nem tudo acontece como queremos, mas o que importa é ser feliz e saber que fez o seu melhor! E claro, escolher um bom médico, indicação de amigas que pariram, e ter certeza que está com um bom profissional! 

Beijos
Angi

Comente pelo Facebook

Leia mais!