6.ago.2011

Você é "mãenotemática"?

Desde que o Antônio nasceu eu falo muito dele, sobre o dia a dia, quanto mamou, das fraldinhas, quanto tempo dormiu, que ele é lindo, um fofo, muito esperto, manhoso, cheiroso, tudo de bom e mais um pouco.
Acho que com toda mãe é assim, principalmente no primeiro ano de vida,vocês também sempre falam do seu bebê?
Então estava pensando, será que somos ” mãenotemática” ?
“Mãenotemática” não existe, lógico, eu juntei mãe com monotemática, que segundo seu Aurélio, é junção de mono + temático, que é músico de tema musical único, então eu relacionei com a mãe que só tem um tema único, que é o filho.Estou falando daquelas mãe que só falam do filho,e completamente consumida por seu bebê. 
A casa é cheia de fotos no mural, o computador , no celular também, e no celular do pai idem. As vezes, cuido para não falar tanto dele em eventos de família, ou das amigas, senão pareço aquela chata, que só fala do filho. E quando não falo, não param de me perguntar sobre ele.Vai entender…
Acho que nenhuma mãe quer ser “mãenotemática”, e acontecem inconscientemente desde a gravidez, muitas vezes. Quando a maternidade ´é um sonho da mulher é mais frequente, nada melhor do que realizar um sonho, e falar sobre ele.Na gravidez, todos querem saber de ti, mas principalmente da barriga- nenê, e vai acontecendo de só falarmos do nenê. E assim vai, começa inocentemente e quando nos damos contas só sabemos falar disso.
As “mãenotemáticas”  acham que nunca haverá outro bebê tão especial e perfeito como o nosso,por isso é natural para nós a querer falar sobre a nossa bebê. Um monte. Especialmente através da mídia social, onde é muito fácil compartilhar cada soluço e bocejo com a família, amigos e seguidores. Com o bebê em uma mão e teclado na outra, compartilhamos nossas descobertas e emoções. Como mães mais orgulhosas, dividimos tudo e atualizamos constantemente fotos e histórias. Afinal, todo mundo ama um bebê novo, certo? Certo?!
Vocês acham que falar demais dos nossos filhos pode atrapalhar nossa vida social?
Uma boa dose de moderação é tudo que é necessário. Nosso filho está mudando a cada dia, e cada mudança é digno de comemoração, será que toda descoberta precisa ser compartilhadas. Este tempo é precioso, e passa rápido, eu sou super a favor de comemorar e registrar cada novidade dos nossos filhos, pois o tempo voa.E tem coisa melhor que falar dos nossos filhos e compartilhar os momentos?
Você já se perguntou se é uma “mãenotemática”?
Será que devemos ser moderadas quanto compartilhar o nosso dia a dia? 

 

Comente pelo Facebook

Leia mais!